Poucas pessoas sabem o que é alvenaria estrutural e quais as suas vantagens para a indústria da construção civil.

Essa técnica já é utilizada há muito tempo e existem alguns exemplos clássicos da sua aplicação nas seguintes edificações:

No entanto, apesar da idade da sua aplicação, apenas no ano de 1950 é que surgiram as primeiras normas na Europa e Estados Unidos, quando muitas empresas do segmento de construção passaram a adotá-la.

No Brasil, o primeiro edifício construído utilizando essa técnica surgiu em 1966, na cidade de São Paulo, possuindo quatro pavimentos.

Neste post, responderemos o que é alvenaria estrutural e o porquê dela ser uma excelente opção nos processos de construção. Continue lendo e saiba mais sobre o assunto!

O que é alvenaria estrutural?

Antes de respondermos o que é alvenaria estrutural, vale a pena saber que, apesar de ser uma técnica antiga, esse sistema de construção começa a ser valorizado agora, sendo uma das melhores opções para as edificações.

Sua aplicação ganha espaço em todo o mundo e no Brasil não é diferente, tanto é que a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), em agosto de 2020, apresentou a NBR 16868, que trata desse assunto.

Essa norma sofreu modificações e melhorias, funcionando como referencial para todos aqueles que desejam adotar esse sistema em suas construções.

A alvenaria estrutural é uma técnica de construção onde as paredes suportam a carga das lajes e dos andares superiores.

Portanto, substituem os pilares e vigas utilizados nos sistemas convencionais e garantem qualidade ao empreendimento.

4 vantagens desse tipo de alvenaria

Dentre muitas vantagens desse tipo de alvenaria, quatro são destaques:

Rapidez na construção

A rapidez na construção ocorre em função da construção dessa estrutura com as paredes em simultâneo, além disso, o revestimento também pode ser aplicado nessa fase.

Outro fato importante, o sistema hidráulico e elétrico também seguem o mesmo conceito, ou seja, são instalados enquanto a alvenaria é levantada.

Com isso, o tempo da obra é reduzido, possibilitando que seja entregue com antecedência, o que acaba refletindo na satisfação do cliente.

Organização no canteiro de obras

Outro ponto interessante está na organização do canteiro de obras, já que o sistema de alvenaria estrutural reduz a quantidade de materiais e também a mão de obra.

O fato de não possuir pilares e vigas, diminui substancialmente as tarefas e o desperdício de materiais, pois não existem quebras e nem remendos.

Tudo isso colabora para a limpeza e organização do local onde está sendo levantada a edificação.

Redução de custos

A redução do tempo de obra já é uma grande contribuição para a diminuição dos custos do projeto, porém, em um sistema estrutural, não são necessários:

Consequentemente, também contribui para a redução dos custos e valores pagos com mão de obra, já que as tarefas diminuem.

Redução do consumo de madeira, aço e concreto

Por fim, existe ainda a redução significativa no consumo de madeira, aço e concreto.

Isso seria o suficiente para provar a diminuição dos custos da construção, a limpeza do canteiro de obras e a agilidade na edificação, no entanto, existe ainda outro fator a ser considerado.

A redução desses materiais colabora com o meio ambiente e a sustentabilidade do planeta.

A Couto Engenharia utiliza esse sistema em suas obras e você é nosso convidado para conhecer nossos empreendimentos, que estão em andamento, e contar com o melhor custo-benefício do mercado quando o assunto é imóvel na planta.